Mudança

Já expliquei algumas (várias) vezes o motivo do meu sumiço no blog, canal e outras redes sociais: o começo da faculdade.

Além dos trabalhos, exercícios e infinitas páginas para ler, tem a nova rotina, a mudança de cidade, a louça para lavar, as contas de internet…. e outras coisas que simplesmente entram na nossa vida e não saem mais, e que a gente tem que aprender a se acostumar com isso e organizar tudo desde o começo.

Também expliquei lá na page do blog que as postagens estavam travadas por causa de uma dita multa que resultou pela cobrança direta do preço do domínio no cartão. Então sugiro para vocês sempre acompanharem a página que lá atualizo com mais frequência e explico todos os imprevistos e novidades para vocês.

Agora o que realmente interessa: para a  “volta” aqui do blog, decidi trazer para vocês algumas fotos que tirei aqui em Ribeirão Preto e não tive oportunidade de mostrar. Também vou contar um pouquinho o porquê de eu ter fotografado essas coisas e o significado delas para mim. Vocês vão perceber que tenho fotografado muito mais coisas do que pessoas, o que não é do meu costume, mas além de eu não ter tido muitas oportunidades para fazer ensaios por aqui, também acho que adquiri um pouco mais de sensibilidade para esse tipo de foto.

A primeira delas é a vista da janela do meu quarto. Em meio a construções, trânsito e barulho tem uma árvore, mais especificamente uma seringueira. Do quintal da minha casa, em Araraquara, era possível ver uma mangueira bem parecida com a que vejo aqui – mesmo sendo árvores diferente – porém, quando o dono da casa faleceu, logo surgiram tratores, máquinas e motosserras para derrubá-la. Sabe quando você sente que desistiu da humanidade? Foi o que eu senti vendo aquela árvore cair. Entretanto, vendo essa aqui, percebo que ainda tem muitas árvores dessa que podemos ajudar a deixar em pé.

IMG_3746

Infelizmente algumas horas depois de eu escrever esse textinho – que está salvo aqui no notebook há algumas semanas – máquinas apareceram e limparam tudo o que havia na frente da dita árvore, restando apenas ela. Da para ver na foto que há pelo menos uns 3 tipos de folhas misturados, agora há só um. Às vezes a humanidade pede para eu desistir dela.

A segunda foto que escolhi com certeza não poderia faltar nesse post: a foto do meu novo bichinho. Acredite, a maior tristeza de se mudar é deixar seus bichinhos para trás. Seu pai, mãe, irmãos, namorado e amigos entendem que você precisa mudar, que vai ser melhor para você e, além de tudo, é possível continuar se comunicando pela internet. Já seu animal sabe que você vai embora a cada semana, mas nunca entende o por quê. Mas enfim, deixei 2 amorzinhos em Araraquara e arrumei 1 aqui, o famoso Gato. Com G maiúsculo porque esse é o nome dele.

IMG_3752

O Gato foi resgatado por algumas amigas dentro da USP, mas, ao levá-lo para o apartamento, a “dona” se recusou a deixá-lo entrar. Após meses na rua, ele viver 1 mês em uma sacada, e então soubemos dele e o trouxemos para nosso cantinho.

A terceira e a quarta são a Orquídea que ganhei de dia dos namorados e a Suculenta que deixo em minha janela. Quando vim para cá planejava encher o apartamento de plantas, como o desse link aqui. Porém quando vim pra cá percebi que seria um pouco mais complicado do que pensei, pois (1) não tenho como trazer plantas grandes para cá de ônibus, (2) não tenho como subir vasos grandes para o apartamento sozinha e (3) nem sempre haverá alguém aqui para cuidar delas como precisam. Deixar o apartamento verde ainda é um plano, mas um plano que não foi possível no último semestre.

E por fim, a vista mais bonita de todas: a de quando estou indo as 17:30 para esperar o ônibus para ir ao bandejão hahaha nesse horário o sol está quase se pondo e reflete nas árvores do grande balão da USP, deixando uma luz incrível e o ambiente mais ainda. É o único momento que eu não reclamo de esperar o ônibus.

IMG_3936

Vou deixar aqui também algumas miniaturas das fotos que fiz no Bosque Fábio Barreto em um fim de semana que fiquei na cidade. Infelizmente elas não estão editadas por conta de estar sem o editor aqui – edito em Araraquara e passo por e-mail para o notebook. Mesmo assim achei que vocês mereciam ver:

Me perdoem pelo tempo que sumi, agora estou de volta. Realmente espero que tenham gostado e, a partir de agora, encontro vocês aqui toda quarta ❤

 

Obs: por um tempo o blog ficará com o wordpress na url – infelizmente. Os problemas de pagamento afetaram bastante o desenvolvimento do trabalho por aqui, então se você gosta das fotos, dicas, inspirações… dos posts em geral: ajude uma blogueira. Curta as redes sociais e compartilhe meu trabalho com os amigos 🙂 

Facebook | Instagram | Canal | Twitter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s